DIABETES E A COVID-19

DIABETES E A COVID-19

Como todos já sabem o coronavírus se espalha com uma taxa alta de transmissibilidade, sendo o contágio através do ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas.

As pessoas do grupo de risco são aquelas que terão maiores chance de complicações da doença, ou seja, são pacientes que já possuem alguma doença prévia que quando contrai o COVID-19 tem maior chance de ter o caso grave.

O grupo de risco se compõe de: idosos, diabéticos, cardiopatas, portadores de doenças crônicas.

Assim, pessoas com diabetes não tem maior risco de infecção, mas sim de maior gravidade da COVID-19.

Os diabéticos que terão provavelmente resultados piores ao contraírem COVID-19 são aqueles que possuem:

  • Longo período de DM
  • Mau controle metabólico (açúcar no sangue alto)
  • Presença de complicações da diabetes
  • Doenças concomitantes (outras doenças)
  • Idosos > 60 anos

Calma, não entre em pânico se você for diabético! O risco de complicações na pessoa com diabetes BEM CONTROLADA é menor, tanto para diabetes mellitus tipo 1 quanto para tipo 2, sendo quase igual ao das pessoas sem diabetes.

Logo, paciente diabético além das prevenções básicas (como lavar bem as mãos, usar álcool em gel, usar máscaras, evitar tocar mucosas dos olhos boca e nariz, não compartilhar objetos de uso pessoal, manter ambiente bem ventilado ) deve manter um bom controle glicêmico.

Como o controle glicêmico é a chave para o sucesso , monitorar frequentemente sua glicemia e ajustar medicações em geral ou insulinas – sempre com orientação médica – são pontos essenciais que podem prevenir complicações não apenas desta virose como também do próprio diabetes.

Além do uso correto das medicações faz-se necessário ter uma boa alimentação, com alimentos saudáveis e evitando os industrializados, e manter-se ativo.

Cuide da sua saúde. Siga as orientações do seu médico. Prevenir é o melhor remédio!

Referência:

Sociedade Brasileira de Diabetes

Dra. Mariana Mendes (CRM 162.093)

Titular da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia

RQE: 73.776

WhatsApp
Enviar WhatsApp