FEVEREIRO LARANJA: Mês dedicado ao diagnóstico precoce da Leucemia.

FEVEREIRO LARANJA: Mês dedicado ao diagnóstico precoce da Leucemia.

Fevereiro é o mês de ações dedicadas ao diagnóstico precoce da leucemia e à conscientização sobre a doação de medula óssea. A Campanha Fevereiro Laranja foi instituída no estado de São Paulo pela Lei N° 17.207, de 12 de novembro de 2019, de acordo com a qual, durante todo este mês, iniciativas privadas, entidades civis e organizações profissionais e científicas cooperam com o governo do Estado de São Paulo prestando esclarecimentos e informações à população sobre a doença, além de suas formas de detecção e tratamentos.

A medula óssea é onde são fabricadas as células sanguíneas que dão origem aos glóbulos brancos (leucócitos), aos glóbulos vermelhos (hemácias ou eritrócitos) e às plaquetas. Estas células do sangue trabalham para levar o oxigênio e os nutrientes a todos os órgãos do corpo humano, além de defenderem o organismo contra agentes infecciosos.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), a leucemia é uma doença maligna dos glóbulos brancos e, geralmente, tem origem desconhecida. Sua principal característica é a substituição das células saudáveis da medula óssea pelo acúmulo de células doentes. Quando uma pessoa tem a doença, uma célula sanguínea que ainda não atingiu a maturidade sofre uma mutação genética que a transforma em uma célula cancerosa. Esta célula anormal não funciona de forma adequada, multiplica-se mais rápido e morre menos do que as células normais. Dessa forma, as células sanguíneas saudáveis vão sendo substituídas por células cancerosas.

Estudos mostram que existem mais de 12 tipos de leucemia, sendo que os quatro primários são: leucemia mieloide aguda (LMA), leucemia mieloide crônica (LMC), leucemia linfocítica aguda (LLA) e leucemia linfocítica crônica (CLL).

Especialista indicam que a maioria dos casos de leucemia não podem ser evitados, pois os pacientes não apresentam nenhum fator de risco que pode ser modificado previamente. Por isso, o diagnóstico precoce é a melhor chance de detecção da doença em fase inicial e de aumentar as chances de cura com o tratamento.

A melhor maneira de diagnosticar precocemente a leucemia é mantendo em dia as consultas de rotina e exames clínicos e laboratoriais com um médico de confiança. É possível também ficar atento a sinais e sintomas como palidez, cansaço e febre; aumento de gânglios; infecções persistentes ou recorrentes; hematomas ou sangramentos inexplicados; aumento do baço e do fígado. Lembrando que, segundo o INCA, na maioria das vezes, esses sintomas não são causados por câncer, mas é importante que sejam investigados por um médico.

Faça parte você também dessa corrente do bem. Procure o Hemocentro de São José do Rio Preto e torne-se um doador de medula óssea. O IMC e HMC apoiam a campanha Fevereiro Laranja.

Para mais informações:

HEMOCENTRO SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

Av. Jamil Feres Kfouri, 80 – Jardim Panorama

Fone: 17 3201-5078 – São José do Rio Preto – SP

WhatsApp
Enviar WhatsApp